Thomas B. Oliveira - EM DEFESA DA MEMÓRIA E DA HISTÓRIA DAS LUTAS SOCIAIS EM SAPÉ E NA PARAÍBA!*
EM DEFESA DA MEMÓRIA E DA HISTÓRIA DAS LUTAS SOCIAIS EM SAPÉ E NA PARAÍBA!*

Por Thomas B. Oliveira

As conquistas sociais do presente são frutos de intensas e difíceis lutas de pessoas que, no passado, dedicaram suas vidas a resistir e enfrentar violentas formas de repressão, usadas para sustentar privilégios e relações sociais de dominação.

Mas as conquistas que temos continuam sendo constantemente ameaçadas pelas forças sociais e políticas que usam de todos os instrumentos para tentar impor retrocessos e impedir o avanço de novos direitos, tão urgentes e necessários para o exercício e expansão de uma cidadania plena, baseada na liberdade, na igualdade de direitos e na solidariedade.

Um dos mais importantes instrumentos das lutas sociais é o conhecimento e preservação de sua história, é ter o direito de saber quem somos, onde estamos e o que queremos construir para o futuro. 

Esse direito tem sido frequentemente ameaçado pelas forças políticas conservadoras que servem à classe dominante, que querem controlar a história à sua maneira, a fim de controlar as lutas sociais no presente e os projetos de futuro.

Por isso, a todo o instante, esforços são envidados para silenciar e impor ao esquecimento as inúmeras formas de resistência e lutas, na tentativa de garantir unicamente os interesses das elites que ocupam espaços de mando em nossa sociedade brasileira e, assim, impedir a construção de uma nação mais justa.

Um dos exemplos gritantes dessas investidas que atentam contra a memória e a história das lutas populares ocorreu no município de Sapé, na Paraíba: em junho de 2015, a Câmara de Vereadores resolveu conceder o título de cidadão sapeense a um deputado que se identifica abertamente com a ditadura militar e o terror perpetrado em suas práticas desumanas de tortura, assassinato, desaparecimento, estupro e aniquilação da liberdade de expressão.

Ao conceder o título de cidadão sapeense ao deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ), os vereadores de Sapé passaram a ser cúmplices de todas as ideias e práticas perigosas que este deputado defende e representa.

A atitude dos vereadores de Sapé tenta jogar no lixo a história das lutas sociais, como as protagonizadas pelas Ligas Camponesas, que resistiram para que o povo do campo tivesse acesso à terra e foram violentamente reprimidas por milícias privadas e pela ditadura iniciada com o golpe de 1964.

Estes vereadores parecem desconhecer o significado da ditadura militar e o peso da repressão para o avanço da democracia no Brasil. Mas não nos enganemos! Podem ser ignorantes sobre nossa história vivida até aqui, sabem, contudo, exatamente o que querem para o futuro!

Não os deixaremos varrer para o lixo a memória e a história das lutas sociais na Paraíba e no Brasil! Mantenhamos nossa postura firme contra o machismo, o racismo, a homofobia e os interesses elitistas das classes dominantes! Estamos em defesa das lutas populares empreendidas no passado, para fazer avançar novas conquistas sociais e ampliar a cidadania plena e a democracia na Paraíba e em nosso país!

Vivas aos trabalhadores e às trabalhadoras que lutaram no passado! Vivas à luta do presente! Por um futuro de liberdade!

PARTICIPE DO ATO PÚBLICO EM DEFESA DA HISTÓRIA E DA MEMÓRIA DAS LUTAS SOCIAIS EM SAPÉ E NA PARAÍBA!
13 DE AGOSTO DE 2015
8 HORAS DA MANHÃ
PRAÇA JOÃO PESSOA – CENTRO DE SAPÉ

- MEMORIAL DAS LIGAS E LUTAS CAMPONESAS;
- NÚCLEO DE CIDADANIA E DIREITOS HUMANOS (NCDH/CCHLA/UFPB);
- COMISSÃO PASTORAL DA TERRA (CPT);
- SINDICATO DOS TRABALHADORES RURAIS DE SAPÉ;
- ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE HISTÓRIA - SEÇÃO PARAÍBA (ANPUH-PB);
- CONVERGÊNCIA DO ORGULHO AZUL, ROSA E LILÁS (CORAL);
- MOVIMENTO NEGRO DE SAPÉ;
- ASSOCIAÇÃO CULTURAL JOSÉ MARTÍ - PB;
- ASSOCIAÇÃO PARAIBANA DOS AMIGOS DA NATUREZA (APAN);
- COMISSÃO ESTADUAL DA VERDADE E DA PRESERVAÇÃO DA MEMÓRIA DA PARAÍBA (CEVPM-PB);
- COMISSÃO MUNICIPAL DA VERDADE - JOÃO PESSOA (CMV/JP);
- MOVIMENTO DO ESPÍRITO LILÁS (MEL);
- ADUFPB - ANDES-SN;
- COMANDO LOCAL DE GREVE DA UFPB - ANDES-SN;
- ADUFCG - ANDES-SN;
- COMANDO LOCAL DE GREVE DA UFCG - ANDES-SN;
- COMANDO DE GREVE DOCENTE DA UEPB;
- FÓRUM PARAIBANO DE PROMOÇÃO DA IGUALDADE RACIAL;
- SOCIEDADE CULTURAL POSSE NOVA REPÚBLICA;
- LEVANTE POPULAR DA JUVENTUDE;
- CENTRO ACADÊMICO DE HISTÓRIA DA UFPB;
- CENTRO ACADÊMICO DE HISTÓRIA CHICO DO BAITA - CH/UEPB;
- NÚCLEO DE ESTUDOS E PESQUISAS AFROBRASILEIROS E INDÍGENAS DA UFPB (NEABI/UFPB);
- NÚCLEO DE ESTUDOS E PESQUISAS AFROBRASILEIROS E INDÍGENAS DA UEPB - CAMPUS GUARABIRA (NEABI-GUARABIRA);
- PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO E DIREITOS HUMANOS, CIDADANIA E POLÍTICAS PÚBLICAS DA UFPB;
- MOVIMENTO DOS TRABALHADORES SEM TERRA (MST);
- MOVIMENTO DOS PEQUENOS AGRICULTORES (MPA);
- COMISSÃO PASTORAL DA TERRA (CPT);
- MOVIMENTO DOS ATINGIDOS POR BARRAGENS (MAB);
- MOVIMENTO DOS QUILOMBOLAS - PB;
- PASTORAL DA JUVENTUDE RURAL (PJR);
- CSP/CONLUTAS;
- SINDICATO DOS TRABALHADORES DA PREFEITURA DE BAYEUX (SINTRAB);
- SINDIFISCO-PB;
- CUT-PB;
- SINDICATO DOS BANCÁRIOS DA PARAÍBA;
- SINTEP-PB;
- DIÁLOGO E AÇÃO PETISTA;
- UNIÃO GERAL DOS TRABALHADORES (UGT);
- MOVIMENTO PELA EDUCAÇÃO (MOVE);
- COLETIVO DE TEATRO ALFENIM;
- ASSOCIAÇÃO DOS GEÓGRAFOS BRASILEIROS - SEÇÃO JOÃO PESSOA (AGB/JP);
- COMISSÃO DE DIREITOS HUMANOS DA UFPB;
- FUNDAÇÃO DE DEFESA DOS DIREITOS HUMANOS MARGARIDA MARIA ALVES;
- SINDICATO DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE SAPÉ (SINDISERVS SAPÉ)


A ANPUH-PB, em conjunto com diversas entidades e movimentos sociais, realizará o "Ato em Defesa da Memória e da História das Lutas Sociais em Sapé e na Paraíba" na próxima quinta-feira, dia 13, às 8h da manhã, na Praça João Pessoa, no Centro de Sapé.

A motivação do ato surgiu após a Câmara de Vereadores de Sapé conceder o título de cidadão sapeense ao deputado Jair Bolsonaro.

Trata-se de uma atividade importante, de combate pela história contra as tentativas de silenciamento e esquecimento das lutas sociais em nosso estado, em especial em Sapé e região.
A atividade ocorrerá um dia depois do aniversário de 32 anos do assassinato de Margarida Maria Alves, em 12 de agosto de 1983.

Teremos uma caravana que sairá de João Pessoa, às 6:30h da manhã, no estacionamento do CCHLA na UFPB. A ADUFPB cedeu um ônibus, mas está praticamente lotado com estudantes e militantes de movimentos sociais. No entanto, estamos organizando um sistema de carona solidária, e contamos com a disposição de todos que puderem participar.

Em Campina Grande, a ADUFCG também cedeu um ônibus, que sairá da UFCG, também às 6:30h. Para quem tiver interesse de, favor contatar nosso delegado em Campina Grande, Luciano Queiroz (joseluciano9@gmail.com).

Estamos toda(o)s convocada(o)s!

*Comunicado da Diretoria da Associação Nacional de História seccional Paraíba ANPUH-PB.
Mais de Thomas B. Oliveira
Veja mais...
PORTAL 100 FRONTEIRAS
Copyright 2011/2015.
Todos os direitos reservados
João Pessoa-PB
Ideias Multimidia