Cartaxo contra o Bezerro de Ouro: "E de suas ventas jorrarão lavas de fogo mortais"


Gilvan Freire
12/11/2017


Na convenção do PSDB Cartaxo é ungido como o candidato das oposições para enfrentar o Bezerro de Ouro – Por Gilvan Freire

 

Publicado por: Gutemberg Cardoso em

 

Na convenção do PSDB Cartaxo entrou triunfante como um ungido das oposições

A OPOSIÇÃO SAI DA MOITA PARA ASSUSTAR E NÃO PARA MORRER DE SUSTO. SE NÃO FIZESSE ISSO, RC IRIA DEIXAR SEUS LÍDERES FALANDO SOZINHOS COMO RÁDIO DE PILHA NO DESERTO

Por Gilvan Freire

Está chegando à condição humana normal a crise de megalomania que vem tomando conta das maiores lideranças políticas da Paraíba. Sempre foi assim, os líderes se acham deuses, até que somem e viram pó, sem nunca saberem ao certo o que fizeram de errado para perder a divindade . A mania de grandeza cega e ensurdece.

A convenção do PSDB deste sábado, adredemente preparada para passar recados aos devotos de todo o estado, foi um acontecimento celestial, destinado a reverberar as profecias e sentenças bíblicas de nossos deuses políticos provinciais, muitos deles ainda falando através de parábolas , ou escondendo intenções, como se ao povo não fosse dado ainda o direito de saber o que eles pensam. São verdadeiros oráculos.

Mas foi um grande avanço : estavam todos ali professando o mesmo credo e defendendo, em tese, os mesmos princípios, talvez já bastante convencidos de que , nesses novos tempos, se se acharem messiânicos demais , é sinal de que cedo não estão vendo nem ouvindo o que o povo de Deus está falando e fazendo contra esses deuses auto-inventados  da tradicional elite política brasileira.

Se não houver daqui em diante uma recaída das divindades, no sentido de mudarem de opinião e se contradizerem ( o que é muito rotineiro nessa atividade ), em nome das megalomanias cristalizadas ao longo dos anos e das ambições pessoais que nunca cessam, as oposições estão enfim unidas para as eleições de 2018, decretando o fim do domínio de Ricardo Coutinho.

Mesmo assim, com tantos deuses concordando que devem se unir para vencer, abdicando cada um do sedutor desejo de ganhar sozinho, ainda não significa que a megalomania tenha saído do topo da pirâmide e chegado à base calçando as sandálias da humildade. RC ainda reina soberano como um Sumo Sacerdote, ou um Bezerro de Ouro, desejando ser objeto sagrado da adoração popular e pensando em escravizar seus eleitores místicos pelo voto de cabresto.

Ora, se Cássio e Maranhão já percebem que o grosso do eleitorado estadual tem um sentimento de oposição ao atual governo, e não somente porque são cassistas ou maranhistas, e sim porque quer uma mudança de caráter político/administrativa e uma renovação de quadros, por que RC acha que o povo deve engolir de goela abaixo logo um apaniguado seu ? Não é muita mania de grandeza não?

A partir desta segunda, quando repercutirem os discursos dos líderes oposicionistas, feitos em tom de confraternização no ambiente da convenção do PSDB, onde Cartaxo entrou triunfante como um ungido, recebendo afagos de Romero, Cássio e Maranhão, se ouvirão os mugidos do Bezerro de Ouro, hoje cercado por desafetos e inimigos de todos os lados, em todos os poderes e em vários setores organizados da sociedade. E de suas ventas jorrarão lavas de fogo mortais.

Fonte: POLEMICA PARAÍBA

Créditos: gilvan freire




Fonte: polemicaparaiba.com.br
Nenhum comentário! Faça o primeiro

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do PORTAL 100 FRONTEIRAS. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O PORTAL 100 FRONTEIRAS poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
PORTAL 100 FRONTEIRAS
Copyright 2011/2015.
Todos os direitos reservados
João Pessoa-PB
Ideias Multimidia